Bitcoin News

Carteiras Electrum infectadas são mais de 152 mil

Mais de 152 mil carteiras Electrum foram infectadas após um ataque de Distributed Denial of Service (DDoS) em seus servidores. Aparentemente uma rede de bots está atacando a infra-estrutura da Electrum, sendo a principal concentração deles na Ásia-Pacífico, Peru e Brasil. A notícia foi divulgada pela empresa de software anti-malware Malwarebytes em um post em 29 de abril.

A Malwarebytes descobriu o número de carteiras infectadas e disse acreditar mais de US$ 4,6 milhões em Bitcoins foram roubados. A empresa conseguiu identificar um carregador chamado Trojan.BeamWinHTTP, que também está envolvido no download do Electrum DoSMiner, anteriormente detectado.

Segundo matéria do portal de notícias CoinTelegraph, o ataque em curso na rede Electrum foi lançado por uma botnet maliciosa de mais de 140 mil máquinas, com o objetivo de roubar bitcoins dos usuários. Os atacantes implementaram seus próprios servidores Electrum hospedando versões comprometidas da Electrum para realizar o hack. Depois que os usuários sincronizam sua carteira com um servidor malicioso, eles eram direcionados à “atualizar” sua carteira com a versão hackeada.

Em dezembro passado, o hack permitiu que quase 250 mil BTC fossem roubados (cerca de US$ 937mil na época). Os usuários afetados relataram não conseguir fazer login em suas carteiras depois de fornecer seu código de autenticação de dois fatores – algo que a Electrum de fato não solicitou. Os hackers então esvaziaram o saldo da carteira. A prática parece continuar mesmo que de forma diferente e um pouco mais “sofisticada”.

A empresa Malwarebytes também divulgou as seguintes informações:

ElectrumDoSMiner infrastructure

178.159.37.113  
194.63.143.226
217.147.169.179
188.214.135.174

Trojan.BeamWinHTTP

48dcb183ff97a05fd3e466f76f385543480abb62c9adcae24d1bdbbfc26f9e5a

ONDE COMPRAR  BITCOIN E CRIPTOMOEDAS:

Related posts

John McAfee quer criar cartão para quem tem Bitcoin

Marcele Blanchart

Campanha quer arrecadar US$1 milhão em criptomoedas para venezuelanos

Marcele Blanchart

“Bitcoin valerá US$1 milhão em 2020”, diz John McAfee

Marcele Blanchart

Binance diz que Bitcoin chegou ao fundo do poço e que tendência é de alta

Marcele Blanchart

Firefox agora tem ferramenta contra mineração compulsória

Marcele Blanchart

Leave a Comment